Piracicaba lidera Ranking de Universalização do Saneamento da ABES

Tamanho da letra:

O município de Piracicaba, sede dos Comitês e da Agência das Bacias PCJ (rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí), aparece em primeiro lugar no Ranking de Universalização do Saneamento, criado pela ABES (Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental) e divulgado nesta terça-feira, dia 3 de outubro, durante o Congresso ABES Fenasam 2017.

No estudo, foram avaliados 231 municípios, nos itens ​abastecimento de água, coleta de esgoto, tratamento de esgoto, coleta de lixo e destinação de resíduos. Os municípios foram classificados em três faixas, considerando-se também os números de internações por doenças advindas da falta de saneamento. As três faixas são: rumo à universalização (14 cidades), compromisso com a universalização (41 cidades) e primeiros passos (176 cidades).

Além de Piracicaba, que lidera a lista das cidades “rumo à universalização”, nas Bacias PCJ também se destacam nesse ranking os municípios de Jundiaí e de Limeira.

Piracicaba está em primeiro lugar com 499,92 pontos:  99,97% de abastecimento de água; 100% de coleta e tratamento de esgoto e 100% de coleta de lixo e destinação adequada de resíduos sólidos.

Jundiaí, em 6º lugar com 495,60 pontos, apresenta 97,8% de abastecimento de água e de coleta de esgoto, e 100% de tratamento de esgoto, coleta de lixo e destinação adequada de resíduos sólidos.

Limeira, em 9º lugar com 494,04 pontos, apresenta 97,02% de abastecimento de água e o mesmo percentual de coleta de esgoto, além de 100% de tratamento de esgoto, coleta de lixo e destinação adequada de resíduos sólidos.

O estudo e o ranking podem ser acessados neste link: http://abes-dn.org.br/?p=13228